#90

Boletim #90 (3 de setembro de 2021)

José Manuel Silva assina compromisso “Autarca pelo Bom Governo”



José Manuel Silva assina compromisso “Autarca pelo Bom Governo” José Manuel Silva subscreveu a proposta de compromisso “Autarca pelo Bom Governo” sobre transparência na gestão autárquica promovida pela associação não-governamental Transparência e Integridade.

Este compromisso representa a adesão individual e voluntária a 12 medidas concretas a adotar no exercício do cargo, caso seja eleito. Na declaração de compromisso, entre os 12 compromissos propostos estão, por exemplo, as nomeações de responsáveis de Compliance e de Acesso à Informação, e a implementação de Códigos de Conduta e de Incompatibilidades aplicáveis a todos os membros do Executivo, dirigentes municipais e nomeados para cargos externos em representação das autarquias. Durante o período de duração dos mandatos, será desenvolvido um processo de monitorização anual do cumprimento dos compromissos assumidos pelas lideranças das Câmaras Municipais e das Juntas de Freguesia.

A missão da associação não-governamental Transparência e Integridade é “contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e uma democracia de qualidade em Portugal e no Mundo, promovendo a participação cívica, o acesso à informação, a transparência dos processos decisórios e a regulação eficaz dos sistemas e organizações no sentido de reforçar a prevenção e combate à corrupção”.



Cartoon da autoria do Movimento Humor


Ler mais informação aqui.

“Juntos - A grande festa da Coligação”: Não falte, é já amanhã!

Amanhã, a partir das 17h45, arranca o mega evento “Juntos – A grande festa da Coligação”, na Praça da Canção.

Para além de contar com comes e bebes, animação não vai faltar. Entre as 17h45 e as 19h30 será transmitido em direto o jogo Qatar – Portugal, e no intervalo decorre uma atuação musical.

Depois de serem apresentadas todas as equipas na íntegra das Freguesias e União de Freguesias, será apresentado ao vivo o hino de campanha da coligação. A seguir será apresentada a lista da Assembleia Municipal, com direto a uma intervenção da cabeça de lista da Assembleia Municipal, Lídia Pereira. Neste seguimento, será apresentado o mandatário da juventude e, finalmente, será apresentada a lista ao executivo da Câmara Municipal, com José Manuel Silva a encerrar o mega evento.

Estamos quase a conseguir mudar Coimbra para melhor, é importante a presença de todos! Raramente terá havido, em eleições em Coimbra, uma escolha tão clara, entre Desenvolvimento e Decadência.

Não falte, e venha acompanhado

Mais informação aqui.

Coimbra, polo de cultura e desenvolvimento: Destaques do programa político da coligação Juntos Somos Coimbra - parte I

É nossa profunda convicção de que só melhorando e acelerando a organização camarária, captando mais investimento público e privado, estimulando a criatividade e produção, criando mais riqueza e emprego é possível iniciar um ciclo de prosperidade, reconstrução e revivificação sustentável do concelho de Coimbra, tornando o concelho uma metrópole digital, numa fervilhante filosofia CulTec, ou CoolTech, uma nova mentalidade estratégica, uma atitude proactiva e cosmopolita, aberta ao mundo, às pessoas, às artes, à cultura, à inovação, às novas ideias, ao investimento e ao empreendedorismo.

Queremos tornar o concelho de Coimbra uma primeira escolha para os investidores criadores de emprego, tirando partido dos nossos excelentes sistemas de ensino e saúde, bem como da nossa centralidade geográfica, cosmopolitismo e de uma renovada capacidade de atração de jovens de todo o mundo para estudar, trabalhar e viver.

Pretendemos um concelho em que todas as freguesias e uniões de freguesias sejam verdadeiras parceiras da Câmara Municipal, para proporcionar às pessoas melhores condições de vida e para conseguir um desenvolvimento harmonioso do concelho, incluindo das freguesias mais afastadas do centro da cidade, sem qualquer forma de discriminação. Um concelho é a soma das suas freguesias.

Ver o programa na íntegra aqui.


SMTUC: Extensão da rede não pode ser assegurada à custa da degradação do serviço

Na última Reunião de Câmara, realizada no dia 16 de agosto, foi apresentada a extensão da rede dos SMTUC na Freguesia de Almalaguês, para servir as localidades de Portela do Casal Novo/Casal Novo, Braçais e Abelheira.

Na linha do que o Somos Coimbra sempre tem defendido, a vereadora Ana Bastos saudou o alargamento da rede SMTUC a todo o concelho, atenuando assimetrias e tratamentos discriminatórios da população, no acesso a um direito básico: o transporte.

Contudo, importa que a CMC “não dê um passo maior do que a perna”. O Somos Coimbra entende que, antes de avançar com novas linhas, importa garantir as condições técnicas e humanas para o assegurar, sem interferir com o restante serviço regular. Lamentavelmente não é isso que tem vindo a acontecer e muito possivelmente este novo serviço, apesar de muito necessário, irá agravar a situação, já por si, insustentável.

Todos os dias chegam ao Somos Coimbra relatos e queixas de pessoas que ficam “abandonadas nas paragens dos SMTUC” a aguardar o serviço que não chega, vítimas da supressão sistemática de chapas, sendo a justificação oficial dos serviços sempre a mesma: “avaria de autocarro ou falta de motoristas”.

Nesse sentido, o Somos Coimbra votou a favor desta extensão da rede, deixando a recomendação de que os novos serviços oferecidos não podem ser assegurados à custa da boa vontade dos motoristas e da continua supressão de chapas e, por inerência, à custa da degradação do serviço geral de transportes oferecido.

Ler intervenção na íntegra aqui.


"É essencial garantir a coerência e a articulação entre as diversas intervenções de reabilitação"

Também na última Reunião de Câmara foi apresentada a delimitação de duas novas Áreas de Reabilitação Urbana (ARU): ARU Área Empresarial da Pedrulha e ARU Empresarial de Cernache.

O Somos Coimbra revê-se nas pretensões e objetivos gerais que fundamentam a delimitação destas duas novas ARUs aplicadas às áreas industriais da Pedrulha e de Cernache, pois é imperioso promover o desenvolvimento destas duas áreas industriais dado o seu estado de degradação, designadamente ao nível do edificado, incentivando à eliminação dos esqueletos industriais abandonados e à ocupação de espaços ainda disponíveis.

Contudo, tal como referiu a vereadora Ana Bastos, o Somos Coimbra considera que não basta delimitar as ARUs e assim oferecer temporariamente aos promotores, incentivos fiscais e garantir o acesso a apoios financeiros, como é o caso do IFRRU. Tal como e muito bem é referido na informação técnica de apoio, é essencial garantir a coerência e a articulação entre as diversas intervenções de reabilitação, promover a reabilitação das infraestruturas públicas, mediante a afetação de um plano de investimentos públicos, o que apenas se conseguirá através de uma ORU, aprovada em instrumento próprio ou em plano de pormenor, gerida preferencialmente pelo Município.

Ler intervenção na íntegra aqui.



Visitas e reuniões recentes da Coligação Juntos Somos Coimbra

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em visita ao Dianteiro

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com a Cooperativa de Habitação Económica do Mondego

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com a MA Produções Audiovisuais

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com o Centro Social de Castelo Viegas

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em visita à Mata Nacional de Vale de Canas

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com o Centro Social Nossa Senhora da Alegria

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em visita à Quinta do Zorro

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com o Centro Social Cultural e Recreativo de Quimbres

José Manuel Silva e a coligação Juntos Somos Coimbra em diálogo com o Centro de Estudos Sociais

Posts recentes

Ver tudo