Visita à Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra



Visitámos ainda a Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra e as suas bem equipadas instalações.


Esta Escola, dotada de uma enorme energia, com uma atividade educativa muito variada e extremamente importante para a dinâmica escolar e para o empreendedorismo turístico de Coimbra, que forma jovens e adultos num setor em que o país é muito deficitário, atingiu a sua capacidade máxima de resposta e está a necessitar de aumentar as suas instalações para poder crescer em número de alunos e na qualidade da formação.


O espaço de potencial crescimento para terrenos contíguos existe, quer para terrenos privados, quer para um lote de terreno camarário adjacente.


O que queremos propor desde já a esta Câmara, e assim faremos depois de ganharmos as próximas eleições autárquicas, é que esse lote de terreno camarário seja reservado para o crescimento da Escola de Hotelaria e que a Câmara desencadeie negociações com a competente tutela, o Turismo de Portugal, com vista à rápida concretização deste objetivo.


Cada vez que uma instituição de Coimbra crescer, é Coimbra que cresce.


Com a coligação Juntos Somos Coimbra na governação da Câmara, Coimbra voltará a crescer.

Depois de perder 10% da sua população, 10 vezes pior do que a média do país, perder 53% dos jovens dos 25 aos 29 anos, o segundo pior concelho do país, e perder 7% dos empregos em empresas, enquanto no país aumentaram 13%, em 2020 Coimbra voltou a ter um saldo natural muito negativo, sendo o 304º pior concelho do país neste indicador, enquanto Braga, por exemplo, teve um saldo natural positivo. Parece claro que Coimbra tem um sério problema, com graves consequências para o futuro, pelo que é urgentíssimo inverter este declínio e iniciar um ciclo de crescimento e desenvolvimento.


Pode ler a 1ª parte da intervenção inicial do vereador José Manuel Silva aqui.

Pode ler a 2ª parte da intervenção inicial do vereador José Manuel Silva aqui.