"Como pode o município apoiar os cidadãos em contexto de pandemia?" - Contributo do Somos Coimbra


A Coolectiva perguntou aos diversos líderes políticos da cidade como pode o município de Coimbra apoiar os cidadãos em contexto de pandemia.


José Manuel Silva, líder do Somos Coimbra, respondeu em nome do Movimento, num contributo que aqui transcrevemos:


«A autarquia tem particulares responsabilidades no apoio às pessoas, às instituições e às empresas no âmbito da pandemia COVID-19, que, a par das alterações climáticas, representa a maior ameaça sanitária, económica e social do início do século XXI. É função da autarquia ouvir atentamente, analisar e responder rapidamente às solicitações que recebe, em particular as relativas às emergências sociais, o que não está a fazer suficientemente, como sabemos de casos sociais dramáticos. O reforço do Fundo Municipal de Emergência Social tem de prosseguir. Deve ser criada uma Comissão Municipal para a Emergência Económica e Social, juntando a CMC, as associações empresariais, sindicatos, instituições com expressão no município, académicos e empresários de referência, para acompanhar a evolução económica e social do concelho e propor mecanismos rápidos de intervenção. É urgente a evolução para uma “Câmara sem papel”, com desmaterialização dos processos e a possibilidade de todos os assuntos serem tratados à distância por via digital. A cobertura de 100% de fibra ótica do concelho, para evitar discriminações, tem de ser rapidamente concluída, em acordo com as operadoras. Propomos a isenção e alívio de taxas municipais específicas até ao fim de 2021. Realizar um rápido levantamento das necessidades das associações culturais, desportivas e recreativas, para que seja legalmente garantida pela CMC a sua sobrevivência à pandemia sem sequelas definitivas. Este também deve ser um momento de revalorização urbana e de reforço de políticas de mobilidade sustentável, o qual deve ainda ser aproveitado para definir e reforçar uma política estratégica de cidade verde, atual e inclusiva. A distribuição pela Câmara de máscaras sociais à população do concelho, com instruções para a correta utilização e a explicação da relevância da distância física, lavagem das mãos, proteção e autoproteção dos mais frágeis e responsabilidade social, que são os principais meios de prevenção e combate ao SARS-CoV-2.»



Pode ler a reportagem completa da Coolectiva aqui.

SIGA-NOS

  • Facebook Clean Grey
  • Instagram Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • YouTube - círculo cinza

© 2019  Movimento Somos Coimbra